O que você achou da capa do livro "Memórias de um adolescente"

domingo, 19 de outubro de 2008

Pequenas?

Na foto, Dakota Fanning recebendo um prêmio do MTV Movie Awards 2005


Saudade do Quinze Escritores



E desses olhinhos saem lágrimas e a ousadia de mentir e convencer...


mentir não, inventar, criar...


mostrar o que deve ser mostrado


esconder o que deve ser escondido.


Fazer o que muitos não conseguem,


e fazer com louvor.


E cada cena parece especial,


tão verdadeira, como se fosse real...


"o imaginário real", é como chamam.


E a espontâniedade da criança


se perde no talento do adulto...


E o talento da criança


se mistura ao profissionalismo do adulto...


Atiçam a imaginação e tornam aquilo mais real,


e sempre que o trágico se sobrepõe ao cômico,


até o mais duro coração amolece,


intimamente lamentando pela perda


daqueles cabelos morenos (outrora louros),


daquele sorriso cativante,


da vozinha fina e do olhar ingênuo...


intimamente feliz, por saber que nada daquilo é real...


Cada gota de lágrima que cai


daqueles olhinhos escuros (outrora claros)


traz consigo milhares de outras lágrimas


de olhos anônimos, que observaram-na desabar lentamente,


em algum lugar distante...


São profissionais, sabem o que fazem,


foram criadas para isso, nada mais...


Elas sabem o que fazem, ou pelo menos fingem saber...


E na tua frente, choram


e te fazem chorar,


sem ter um motivo lógico,


afinal, são apenas crianças


mentindo... mentindo não...


inventando.




Texto dedicado à TODAS as atrizes mirins do mundo que têm o seu trabalho muito pouco reconhecido pelos adultos que se consideram superiores.

5 comentários:

Ana disse...

oi
esse poeminha eh mto bonitinho, lembro dele
hehe
pode dexar q t visito

bjxxx ^^

cackau disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cackau Loureiro disse...

De voltaaaa, que bom!

Assim passará no café para prozear comigo!!

Adorei o poema, é uma bela forma de dar os parabêns aos jovens mirins!

=)

bjos de café!

ImaGINE disse...

hmm, lembro desse texto no quinze..
tbm morro de saudades

beeejo

Mila disse...

Não sei vc... mas eu tenho medo dessa menina... nessa foto então... senhorrrrrrrrrrrrrrr...
Beijos Mila